Nova York pretende fechar escolas e empresas de bairros afetados pela Covid-19 - Cabeça de Criança
  • Nova York pretende fechar escolas e empresas de bairros afetados pela Covid-19

    Imagem de Jon Flobrant por Unsplash

    Após a reabertura dos estabelecimentos comerciais da cidade, o prefeito Bill de Blasio pretende fechar novamente escolas e empresas de nove bairros da cidade de Nova York por conta de aumento no número de casos da covid-19.

    Veja também:

    Síndrome ligada ao coronavírus soma 286 casos e 21 mortes de crianças e adolescentes
    Psicóloga Nanda Perim promove curso para melhorar o sono das crianças
    Mês das Crianças traz filmes infantis a cinemas drive-in de São Paulo, veja programação

    As regiões indicadas pelo prefeito tiveram um aumento de 3% no número de casos do coronavírus nos últimos 7 dias. De acordo com ele, bairros no Brooklyn e no Queens não poderiam abrir empresas, que não sejam essenciais, e nem escolas.

    O plano precisa ser analisado pelo governador Andrew Cuomo antes de ser instalado. Esse seria um marco como a primeira grande reversão na reabertura da cidade.

    As áreas atingidas pela proposta incluem partes Far Rockaway, Borough Park, Midwood, Gravesend, Bensonhurst, Sheepshead Bay e Kew Gardens, de acordo com o Uol.

    Além disso, outros 11 bairros estão sendo observados pela prefeitura, apesar de não ter o intuito de fechar escolas e empresas nestas regiões, a restrição deve ser para restaurantes.

  • Back to top